Pular para as informações do produto
1 de 2

Les Vignobles De Demain

Adega Camolas Castro de Chibanes 2018

Adega Camolas Castro de Chibanes 2018

Preço normal R$ 191,38 BRL
Preço normal R$ 0,00 BRL Preço promocional R$ 191,38 BRL
Promoção Esgotado
Tributo incluído. Frete calculado no checkout.

Um português elegante e encorpado, produzido em um rico sítio arqueológico no Parque Natural da Arrábida, na região de Península de Setúbal.

 

Este vinho ostenta no rótulo um desenho do Castro de Chibanes, uma fortificação da época romana e pré-romana, localizada muito próxima à adega Camolas. A ideia por trás deste exemplar é partilhar e promover o rico patrimônio arqueológico da Península de Setúbal. Este blend é composto por três típicas castas portuguesas: 50% Castelão, 25% Trincadeira e 25% Alicante Bouschet. A predominante Castelão encontra na Península de Setúbal condições ideias para sua melhor expressão em Portugal. Já Trincadeira e Alicante Bouschet, surgem para equilibrar o blend e trazer harmonia a todos os elementos.

Visual: Coloração granada intensa.

Olfato: Um buquê complexo onde as frutas silvestres, compota e especiarias, estão bem integradas com as notas tostadas da madeira.

Paladar: Na boca apresenta um sabor macio, com boa estrutura e taninos aveludados, uma acidez equilibrada e viva, confirmando os aromas. Tem volume e corpo num conjunto elegante e atrativo com taninos macios. Final de prova longo e persistente, onde sobressaem as notas de chocolate preto.

Harmonização: Queijos duros (emmental, gruyère, grana padano), aves, carne de gado, massa ao molho vermelho, feijoada. E que tal combiná-lo com o famoso bacalhau à portuguesa?

 

Concurso Internacional de Vinhos Vinduero-Vindouro 2019 – Double Gold Medal 2
Concurso Internacional de Vinhos Vinduero-Vindouro 2019 – Double Gold Medal
Challenge du Vin France 2021




Vinhos com identidade portuguesa


Na Península de Setúbal, a Camolas produz rótulos com a identidade de Portugal utilizando uvas de vinhas próprias e de pequenos viticultores


A Adega Camolas está localizada em uma área privilegiada de Palmela (região da Península de Setúbal): junto ao Parque Natural da Arrábida, um lugar em que as cores do mar, das falésias de calcário e de uma densa vegetação compõem um cenário de beleza incomparável. A localização litorânea e o clima ameno favorecem o cultivo das suas uvas, que provêm de diferentes áreas. Os rótulos desta vinícola são produzidos com frutos de vinhas próprias nas áreas nobres de Palmela e com uvas de antigas vinhas de pequenos viticultores da região. Esta característica confere uma forte identidade aos seus produtos.

A empresa familiar, cuja administração está na segunda geração, tem ligações profundas com o vinho desde a década de 1970. Na sua história, destacam-se o crescimento constante e os prêmios recebidos, reflexos do principal objetivo da Adega Camolas: produzir vinhos de qualidade para os mercados nacional e internacional.

Praticamente em frente à Adega Camolas, na Serra do Louro, está situada uma fortificação da época pré-romana, o Castro de Chibanes. No local, já foram encontrados vestígios humanos que recuam à Idade do Bronze, além de cerâmica, peças decorativas e equipamentos militares como lanças e setas. Do alto do Castro de Chibanes, é possível enxergar estuários dos rios Tejo e Sado e todo o Vale de Barris.

Esta notável fortaleza hoje dá nome a um dos tintos da Camolas, o Castro de Chibanes Reserva (2017). Este vinho surgiu da ideia de compartilhar e divulgar o patrimônio arqueológico da região e é produzido com três uvas tipicamente cultivadas em Portugal: Castelão, Trincadeira e Alicante Bouschet.

Setúbal

Portugal


Portugal, a terra dos vinhos do Porto, também produz notáveis secos, a partir de 200 uvas nativas. A litorânea região de Setúbal está localizada a cerca de 50km de Lisboa e ao longo do estuário do Tejo, com um terroir que varia de planícies costeiras arenosas a colinas ricas em calcário da Serra da Arrábida. Na viticultura, predominam as variedades Moscatel e Castelão.


Ver informações completas